Fiscal investigado na Operação Pollastro se apresenta ao MPE e é preso

Um dos fiscais de renda da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz) que estava sendo investigado na Operação Pollastro se apresentou ao MPE, nesta quinta-feira (16).

Ele foi identificado como José Vasconcellos Santos e tinha um mandado de prisão em aberto, sendo considerado foragido. No início da semana cinco pessoas também foram presas, das quais quatro eram fiscais de renda e uma era contadora. Assim, apenas o fiscal Augusto Alves Nicácio Filho continua foragido.

A operação tem o objetivo de desarticular um grupo suspeito de sonegação fiscal em empresas de diversos ramos. A suspeita é de que o grupo tenha movimentado aproximadamente R$ 121 milhões desde 2011 sem fazer os repasses devidos de impostos.

A assessoria do Ministério Público do Estado de Alagoas (MP-AL) informou que Santos se apresentou com um advogado e foi ouvido na sede do Grupo de Atuação Especial em Sonegação Fiscal e Lavagem de Bens (GAESF). Logo depois foi conduzido ao Sistema Prisional.