Passagem de ônibus pode ter aumento maior que o previsto para 2018

O Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros de Maceió (Sinturb) informou nesta quinta-feira (16), que o preço da passagem em Maceió pode aumentar. O motivo seria a elevação no preço do diesel e a diminuição de passageiros nos coletivos da capital alagoana, o que estaria causando um prejuízo de R$ 4 milhões mensais.

O reajuste vem sendo debatido pelas empresas de transporte público com a prefeitura e tem previsão para janeiro de 2018. Segundo o sindicato, o levantamento diário da quantidade de usuários do transporte público feito até o último dia de outubro mostra que mais de 630 mil pessoas deixaram de usar ônibus em Maceió em 2017.

A queda em comparação com o mesmo período de 2016 é de 10%. Durante o ano passado foram transportados mais de 6,4 milhões de passageiros, o que já era menor que o registrado em 2015, com pouco mais de 6,9 milhões.

O sindicato informou ainda que essa é a maior queda nos últimos quatro anos e isso estaria acontecendo devido a migração de passageiros para transportes via aplicativo ou clandestinos.