Homem desembarca em Maceió com malária e é internado

Um tailandês de 38 anos, desembarcou no porto de Maceió recentemente e foi diagnosticado com malária, segundo o Hospital Hélvio Auto .

Ele não teve a identidade revelada e foi atendido neste domingo por médicos da unidade que fica no Trapiche da Barra, parte baixa de Maceió com sintomas como febre alta, dores de cabeça, calafrios, diarreia, náuseas e vômitos.

O homem que teria contraído a doença em Camarões, país da região ocidental da África, foi submetido a tratamento, apresentou melhora e deve receber alta  nesta terça-feira (5).

De acordo com a assessoria do hospital, não há risco de contaminação. Pois, Alagoas não faz parte da região endêmica onde se encontra o mosquito Anopheles, transmissor da doença.

A Sesau informou por meio de nota que foram adotadas todas as medidas em relação ao paciente.

Confira a nota abaixo:

A Secretaria de Estado da Saúde informa que todas as medidas foram adotadas, através do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS), em relação ao paciente de 38 anos que desembarcou em Maceió, com malária. Os técnicos do CIEVS continuam acompanhando o caso. Desde a década de 1980 que não há registro de casos da doença em Alagoas.